Reitor António Rendas celebra dez anos de mandato e lança desafio à comunidade académica da NOVA

Professor António Rendas

No dia 19 de janeiro de 2017, o Professor António Rendas cumpriu dez anos de mandato como Reitor da Universidade Nova de Lisboa.

O Reitor congratulou toda a comunidade académica numa mensagem na qual constatou o progresso feito pela Universidade Nova de Lisboa nos últimos anos destacando “a capacidade de atração de estudantes e docentes nacionais e estrangeiros, a qualidade e o impacto da investigação produzida, a progressiva internacionalização com a presença nos mais prestigiados rankings e em redes globais.” Salientou ainda a recente transformação da NOVA numa universidade fundacional pública com regime de direito privado, na sequência da aprovação pelo Conselho de Ministros, em Dezembro último.

O processo de transição para o modelo fundacional terá início em breve, quando os Estatutos da Fundação Universidade NOVA forem publicados em Diário da República, e terminará com a nomeação dos curadores pelo Governo, sob proposta da instituição. No caso da NOVA, a proposta das personalidades a nomear para o Conselho de Curadores será da responsabilidade do Conselho Geral, a partir de perfis definidos nos Estatutos, o que sucede pela primeira vez nas universidades fundacionais portuguesas. Em simultâneo, serão revistos os Estatutos da Universidade para os adequar ao modelo fundacional e à evolução da NOVA nos últimos dez anos, mantendo-se uma intervenção alargada das Unidades Orgânicas, através do Colégio de Diretores, e uma participação estudantil ativa, através do Conselho de Estudantes.

De acordo com o Reitor, “A transformação fundacional é um meio e não um fim. A NOVA continua a ser uma Universidade pública e deve manter esse rumo, que lhe permitiu desempenhar um papel relevante na sociedade portuguesa, bem como aumentar o seu prestígio a nível internacional.”

Ao fim de dez anos, e perto de terminar o mandato enquanto Reitor, o Professor Rendas lançou a toda a comunidade académica o desafio de pensar o futuro.

Em concreto, convidou todos os interessados a enviarem, até final de Fevereiro, numa folha A4, para o endereço reitor@unl.pt, até dez iniciativas que considerem relevantes para serem concretizadas nos próximos dez anos da NOVA.