Nova SBE classificada como 23.ª melhor escola europeia de economia e gestão pelo Financial Times

A Nova School of Business and Economics subiu cinco lugares no ranking do Financial Times, referente às melhores escolas europeias de economia e gestão, classificando-se na 23.ª posição, à frente de instituições como a Aalto University (Finlândia), a Copenhagen Business School (Dinamarca) e a University College Dublin (Irlanda). Este ranking destaca, uma vez mais, a excelência académica da Nova SBE, bem como o ambiente multicultural e inclusivo da escola, com 100% de professores doutorados e 37% de mulheres entre os docentes. Estes elementos, em conjunto com a ênfase em matérias de ponta, a relação próxima com as empresas a orientação em termos de carreiras, contribuem para a excelente taxa de empregabilidade de 100% dos alunos graduados. o ignored

Para o Professor Daniel Traça, Diretor da Nova SBE, a classificação da escola no ranking do FT consubstancia o seu crescimento a caminho do topo, sublinhando que o facto de ter sido a melhor escola portuguesa (ex-aequo) neste rankinkg "é o resultado da nossa aposta na internacionalização, um dos marcos no projeto de desenvolvimento da Nova SBE". o ignored

O ranking do FT para as melhores escolas europeias de gestão tem por base os resultados alcançados pelos estabelecimentos de ensino noutros rankings: MBA Full–time; MBA Part-time; Programas Abertos e Customizados da Formação de Executivos; e Mestrado em Gestão. Esta avaliação não contempla pois a posição de 14º melhor Mestrado em Finanças obtido pela Nova SBE no ranking mundial referente a estes programas. o ignored

Com a tripla acreditação (AACSB, EQUIS e AMBA) e sendo classificada entre as 100 melhores do mundo pela Eduniversal (5 Palmas), a Nova SBE oferece licenciaturas em Gestão e Economia, mestrados e doutoramentos nas áreas de Economia, Finanças e Gestão, bem como Programas de Executivos e MBAs.